Notícias

Após audiência pública, ADPESP participa de reunião com SPPrev

Posted by:

2 de dezembro, 2019

Nesta segunda-feira, 02, a diretoria da ADPESP e representantes de mais de 40 entidades de classe participaram de uma reunião com José Roberto de Moraes, presidente da SPPrev.

Na ocasião, Moraes pretendeu justificar as propostas do governo por meio de dados técnicos, que foram prontanente rebatidos, um a um, por todos os representantes.

Moraes afirmou que a proposta do governo de São Paulo apenas replicou a PEC federal. No entanto, o presidente da ADPESP o desmentiu, de maneira veemente, citando como exemplo alguns dos aspectos da PEC 18 que são muito mais gravosos que o modelo federal.

Posteriormente, Gustavo Mesquita alertou sobre o risco de 9 mil policiais civis pedirem aposentadoria, uma vez que já estão aptos para tal. “O que está em jogo aqui é a continuidade do serviço público”, disse o presidente da ADPESP.

A informação apresentada por Mesquita causou surpresa na deputada Janaina Paschoal (PSL), que indagou os motivos da aposentação em massa. O presidente da ADPESP esclareceu que tal possibilidade se deve por não haver garantia expressa do direito adquirido na proposta apresentada pelo governador.

Em outro momento, ao serem expostas as inconsistências do texto, tanto da PEC como do PLC, Mesquita afirmou que “trata-se claramente ou de dolo ou de má técnica legislativa. Seja qual for a hipótese, esses pontos precisam ser revistos urgentemente”.

0